Regionalização do Continente Americano

Sumário

Abaixo vamos ver algumas questões sobre a regionalização do continente americano. Com área territorial de mais de 42 milhões de quilômetro quadrados, o continente americano é o segundo mais extenso do mundo, superado apenas pelo continente asiático. Seu território é bastante alongado no sentido norte-sul: há uma distância de quase 16 mil quilômetros entre os extremos norte e sul.

Essa grande extensão é um dos fatores que explicam a diversidade natural de paisagens encontradas na América. Existem dois critérios para a regionalização do continente americano. O primeiro que será explicado a seguir se baseia simplesmente na posição geográfica e o segundo em questões históricas, culturais e socioeconômicas.

No primeiro chamado de “três Américas” a distribuição das terras no sentido norte-sul, portanto, é uma regionalização geográfica: América do Norte, América Central e América do Sul.

regionalização do continente americano critério localização geográfica
Mapa Regionalização da América (As Três Américas)

América do Norte

Representa 55% do continente e localiza-se totalmente no Hemisfério Norte. Essa porção do continente é formada por três países independentes e por uma possessão europeia, a Groenlândia, administrada pela Dinamarca.

América Central

Com 2% do continente, é a porção constituída por uma parte continental e outra insular. A primeira, o istmo, liga as duas grandes porções de terra e abriga sete países independentes; a outra parte consiste em um conjuntos de ilhas, o Caribe.

América do Sul

Corresponde a 43% do continente e tem terras nos dois hemisférios, por ser cortada pela linha do Equador. Sua porção continental é formada por 12 países independentes e uma possessão europeia, a Guiana Francesa, administrada pela França.

Enxergar a América em outra perspectiva

A América Latina foi colonizada, principalmente, por portugueses e espanhóis. Por esse motivo, nessa parte do continente americano, as línguas oficiais da maioria dos países são o português e o espanhol, línguas de origem latina. Na América Anglo-Saxônica, onde o inglês é a língua predominante, teve-se um processo de colonização promovido principalmente por ingleses. Nesta porção também temos ocorrência do uso da língua francesa, em algumas localidades no Canadá.

O processo de colonização, a língua falada e outros aspectos relacionados à cultura das nações colonizadoras predominantes e dos diversos povos originários são alguns dos critérios adotados na regionalização histórico-cultural socioeconômica do continente americano.

regionalização do continente americano critério histórico cultural socioeconômico
Mapa da Regionalização da América (critério histórico-cultural)

América Latina

América Latina é uma região do continente americano formada por 20 países que têm como línguas oficiais o português, o espanhol e o francês, que são derivadas do latim.

A região possui uma grande diversidade de climas, relevo, vegetação e biodiversidade, além de uma rica cultura e história. A economia dos países latino-americanos é baseada na exploração e exportação de recursos naturais, com destaque para o petróleo, a agricultura e a mineração.

Os países mais ricos da América Latina são Brasil, México e Argentina. A população da América Latina é de cerca de 660 milhões de habitantes.

América Anglo-Saxônica

O termo “América Anglo-Saxônica” é utilizado para se referir aos países das Américas que têm o inglês como língua principal e que também têm laços históricos, étnicos, linguísticos e culturais com o Reino Unido.

Estes países são os Estados Unidos e o Canadá (com exceção do Quebec) na América do Norte, Belize e algumas ilhas das Caraíbas na América Central, e a Guiana na América do Sul.

O termo “anglo-saxões” refere-se aos habitantes de Inglaterra após a vitória dos saxões (alemães) sobre os britânicos. A maioria dos anglo-saxões são considerados brancos, descendentes de caucasianos.

É comum considerar como parte da América Anglo-Saxônica todos os outros países da América do Norte, Central e do Sul que têm o inglês como língua oficial.

No entanto, a América Anglo-Saxônica está associada ao desenvolvimento destes países, ao contrário da América Latina, que é constituída por países em desenvolvimento que têm colonização portuguesa, francesa e espanhola.

Habilidades BNCC

(EF08GE20) Analisar características de países e grupos de países da América e da África no que se refere aos aspectos populacionais, urbanos, políticos e econômicos, e discutir as desigualdades sociais e econômicas e as pressões sobre a natureza e suas riquezas (sua apropriação e valoração na produção e circulação), o que resulta na espoliação desses povos.

Referências

Araribá Mais Geografia. Dellore, Cesar Brumini. 1. ed. – São Paulo: Moderna, 2018.

Cruzadinha Oriente Médio

Comentários

Deixe um comentário