SAVANAS E FLORESTAS TROPICAIS – PET 4 | SEMANA 1 | 9ºANO | GEOGRAFIA (COM MAPA MENTAL E ADAPTAÇÃO)

Olá professor!

Aqui você poderá fazer o download do PET adaptado, para utilização, tanto para alunos com necessidades especiais, ou também poderá utilizar o mapa mental animado abaixo para alunos sem necessidade de inclusão.

mapa mental savanas e florestas tropicais pet 4 geografia 9ºano semana 1

Savana ou campo tropical = tipo de formação vegetal que varia desde um  campo herbáceo (de plantas que não apresentam parte lenhosa) até uma matriz campestre com árvores esparsas (espalhadas).

A vegetação da savana é formada principalmente por gramíneas, árvores pequenas e arbustos. É resistente ao fogo e as árvores são tortuosas com folhas duras e seus troncos possuem uma casca espessa.

Típico de regiões de  clima tropical, quente e úmido, onde a estação seca é prolongada e durante a estação chuvosa a precipitação pode chegar a mais de 1.000 mm/mês.

A maior e mais conhecida savana situa-se na África, mas também existem na América do Sul e na Austrália.

O Cerrado brasileiro é um tipo de savana, o que difere é que as folhas das árvores são largas e não caem totalmente na estação seca, enquanto nas savanas africanas as folhas são bem menores. Principais árvores: são as acácias, palmeiras, pinheiros e baobás.

Acácias: são típicas das savanas africanas e servem de alimento para muitas espécies de animais.

Baobás: árvores que se destacam pelo tronco muito espesso, no qual a água fica armazenada para enfrentar a estação seca.

Floresta tropical = formada por árvores muito altas (entre 40m a 50m) dispersas que ficam acima de uma cobertura agrupada e contínua de árvores de porte menores (24m a 30m). Formações arbustivas e herbáceas se desenvolvem menos. Possuem folhas perenes.

Localiza-se na faixa entre os trópicos de Capricórnio e de Câncer e é encontrada na África, Ásia, América Central, América do Sul e em algumas regiões da Oceania. Típicas de clima tropical/equatorial, bastante quente e úmido, com chuvas  frequentes e abundantes e a umidade relativa fica entre 77 e 88%.

Além do estrato arbóreo que concentra a maior diversidade vegetação, temos plantas de caules flexíveis (cipós), vegetais não parasitos que se fixam em outras (epífitas) como bromélias e orquídeas. O solo das florestas tropicais é pobre em nutrientes, porém, estes estão ligados à própria vegetação que se decompõe pela ação de fungos e bactérias, sendo em seguida reabsorvido.

A Floresta Amazônica e a Mata Atlântica são exemplos de florestas tropicais no Brasil.

Quanto a fauna encontramos no dossel da floresta macacos, sapos, lagartos, aves, preguiças, cobras, insetos e muitos outros animais.

Na África, principais mamíferos: antílopes, veado, elefante da floresta, chimpanzé e gorila.

Na Ásia orangotango, gibão, tigres e musaranhos.

Os musaranhos são animais parecidos com roedores, mas são mamíferos.

Na Austrália cangurus de floresta, gambás e ornitorrinco, papagaios reais, periquitos australianos e as extraordinárias aves do paraíso (encontradas na Nova Guiné).

Uma das aproximadamente 40 aves dos paraíso, encontradas exclusivamente na Nova Guiné

Na América do sul as florestas tropicais abrigam a cutia, paca, capivara, onça, jaguatirica, tamanduá, tatu e muitos outros. Entre as aves estão os tucanos, papagaios, águias, sanhaço, macuco, feiticeira, papa-moscas, etc. Há também muitas serpentes (jiboias, corais, jararacas), sapos, rãs, pererecas e peixes.

Curiosidade

Em apenas 1 km² de florestas tropicais podem ser encontradas centenas de espécies de árvores, enquanto nas mesmas dimensões das florestas temperadas dificilmente encontra-se mais de uma dezena de espécies.

Sugestão de vídeo animado complementar:

BIOMAS BRASILEIROS – Canal Com ciência Prof. Ezequiel

Caro professor, caso este material lhe tenha sido útil e queira contribuir com meu trabalho, segue número PIX: 35988498558

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.